O QUE DIZEM OS RÓTULOS ALIMENTARES?

interpretar Rótulos Alimentares

Planear a lista de compras e não ir ao supermercado com fome são duas atitudes a seguir por quem procura fazer uma escolha alimentar saudável. Para além disso, saber ler e interpretar os rótulos é essencial para a escolha de alguns produtos alimentares ao invés de outros.

 

Lista de Ingredientes

Considere esta lista como o ponto de partida para interpretação do rótulo, pois é aqui que são discriminados todos os ingredientes do produto. A lista é apresentada por ordem decrescente, em termos de quantidade e fornece informação sobre a qualidade das fontes nutricionais, bem como os tipos de conservantes e aditivos. Por exemplo, 178 Kcal numa barra proteica não reflete o mesmo impacto do que 178 Kcal de frango ou de brócolos.

Prefira listas curtas, com ingredientes reais e facilmente reconhecíveis. Tenha em atenção qual é a origem dos alimentos e quais os métodos utilizados no seu fabrico:

  • Natura: Correspondem às frutas e legumes. Não contêm ingredientes adicionais e por isso o prazo de validade é curto. Devem ser a base da alimentação.
  • Processados: Possuem mais do que um ingrediente e o prazo de validade é mais longo. Devem ser consumidos em porções reduzidas. Exemplos: pão, queijo, enlatados.
  • Ultraprocessados: Contêm aditivos, substâncias sintetizadas em laboratório, óleos, gorduras trans e açúcares refinados. Não devem, de todo, fazer parte do nosso regime alimentar. Exemplos: batatas fritas ou bolachas embaladas, gomas, refrigerantes, cereais de pequeno-almoço.

Tabela nutricional

É essencial compreender a informação nutricional antes de integrar qualquer alimento na sua dieta. Saiba que cuidados deve ter ao interpretar a tabela nutricional:

  • Não contém informação sobre aditivos presentes no produto (como conservantes ou estabilizantes);
  • Os valores calóricos não são exatos;
  • Pode ter ou não como referência as porções reais do produto. Por exemplo: uma barra proteica pode corresponder a 50g, mas a tabela nutricional fazer referência a 25g;
  • Produtos que invocam na embalagem “0% de açúcares/gorduras” podem ter, legalmente, até 0,5% desse ingrediente na sua composição. O melhor é confirmar na tabela nutricional!

Desmistificar o açúcar

  • Produtos “0% açúcar” ou “diet” podem incluir ingredientes que elevam tanto ou mais o índice glicémico como o açúcar;
  • Geleias de arroz ou agave, açúcar amarelo, mascavado ou de coco são açúcares e devem ser evitados;
  • Deve-se preferir alimentos não adoçados, mas se tiver de conter adoçante, optar por “eritritol”, “sorbitol”, “isomalte”, “stevia” ou “sacarina”;
  • Maltitol é um açúcar calórico proveniente do álcool (poliol);
  • Sucralose e stevia (glocosídeos de esteviol) são açúcares não calóricos.

_

Consulte o artigo completo na nova edição da revista RUNning.

Saiba mais sobre a revista RUNning em www.runningmag.pt e www.runningmag.pt/edicoes-anteriores/, ou siga a sua página no Facebook em www.facebook.com/yumpucom.

RUNning-Wellness-Interpretas Rotulos Alimentares

Artigos Recentes