fbpx

Alimentação de Primavera

Alimentação-de-primavera

A Primavera, também conhecida como a estação das flores, representa o início de todas as estações e encontra-se associada ao movimento Madeira. Este movimento tem correspondência direta com a energia do fígado e da vesícula biliar, estabelecendo o início do desenvolvimento da energia Yang que atingirá o seu apogeu no Verão.

Depois de um período letárgico característico do Inverno, a energia torna a mover-se vivamente no organismo e expande-se fortemente, favorecendo o recomeço e a expansão energética associadas a esta bela estação. Caracterizada pelo crescimento e o movimento, também a Natureza reflete o seu potencial. Flores florescem, pássaros cantam e novas vidas nascem. O vento é característico e pode desencadear patologias que vão-e-voltam, como constipações e as comuns alergias respiratórias ou dermatológicas. Uma das melhores formas de harmonizar este período é através da raiz de gengibre, o único picante com natureza equilibrada, que expulsa os fatores patogénicos e fortalece a energia pós-natal (referente ao sistema digestivo) – utilize-o sob a forma de chá ou adicione uma rodela nos estufados ou salteados.

QUANDO O ALIMENTO É MEDICAMENTO

Na Primavera devemos preferir alimentos que suplementem a energia, estruturando-a e fortalecendo-a, mas sempre controlando ascensões excessivas e garantindo o seu livre fluir. O sabor preferencial dos alimentos deverá ser doce, acre ou azedo; e a natureza neutra ou morna – como por exemplo: alho, cebolinha e alho francês. Os alimentos devem possuir tropismo para o sistema digestivo (baço e estômago) assim como para o órgão-víscera Madeira (fígado e vesícula biliar).

É de evitar alimentos excessivamente azedos, quentes ou ricos em mucosidades porque bloqueiam a energia do fígado e, consequentemente, o seu livre fluxo energético nos meridianos e pontos de acupunctura.

20170221_ALimentosRecomendados

Aliando a sabedoria milenar à prática moderna, a Essence Prime Care apresenta-lhe uma receita de Primavera saudável, fácil e muito saborosa para o reentré desta bela estação.

Risotto de Quinoa

INGREDIENTES:

200g de Quinoa
3 dentes de alho
150g Cogumelos
2 Alho francês
6 Espargos brancos ou verdes
150g espinafres
1 Cenoura grande
½ Limão (sumo e raspa)
1 colher de sopa de vinagre de sidra
50g de Manteiga Ghee
100 g de Queijo Parmesão ralado
Caldo de legumes e sal q.b.
Agriões para decorar

PREPARAÇÃO:

Caldo de legumes
Provém da cozedura de legumes (à sua escolha) em água e sal. Nesta receita o método culinário é salteado pelo que o caldo deverá ser feito previamente com outros legumes. Cozinhe e utilize-os para outros fins, e reserve o caldo para esta receita.

Risotto
Fase 1 / Para melhor absorção nutricional os legumes deverão ser cortados em formatos diferentes, assim a energia do Baço-Estômago assimilará melhor a informação energética de cada ingrediente. Corte os cogumelos em lâmina, o alho francês às rodelas, os espargos em pedaços cilíndricos, a cenoura às tiras e adicione as folhas de espinafres inteiras.
Fase 2 / Salteie todos os legumes em manteiga Ghee com uma pitada de sal e reserve-os num recipiente assim que prontos.
Fase 3 / Na mesma Wok, adicione os alhos e a quinoa previamente lavada. Adicione uma concha de caldo de legumes de cada vez até a quinoa estar cozida. Junte uma colher de sopa de vinagre de sidra e volte a mexer para incorporar. Dica: Quando a quinoa estiver transparente com linhas esbranquiçadas em torno do grão, “em flor”, estará cozida.
Fase 4 / Adicione à quinoa os legumes previamente salteados assim como o queijo ralado e o sumo/raspa de ½ limão. Está pronto a servir. Bom apetite!

CARACTERÍSTICAS E ACÇÕES ENERGÉTICAS:

20170221_AcoesEnergeticas

Reencontre o seu equilíbrio neste recomeço marcado pela Primavera. A meta é compreendermos as nossas necessidades fisiológicas e energéticas e deixarmos o alimento ser a nossa medicina, e a medicina o nosso alimento[1]. Oiça o seu corpo e ofereça-lhe apenas o que ele merece – Saúde.

[1] “Let food be thy medicine and medicine be thy food” – Hippocrates
Artigos Recentes